CAMPANHA.



Ver o olhar iluminado do sr José Airton Silva,47 anos,segurança,com seu primeiro capacete na mão foi emocionante.
"São mais de vinte anos,pedalando nas ruas de Porto Alegre,indo e vindo todos os dias para o meu trabalho.Sempre quis ter um... apontando para o capacete ...mas ganho muito pouco e não sobrava para comprar ."conta seu Zé,como é chamado pelos colegas.
Apesar de não ter nenhum equipamento de segurança,seu Zé conhece normas de trânsito; ...."pedalo sempre no fluxo dos carros , sempre paro no sinal vermelho e cuido da manuntenção básica do meu veículo".
Também nos relatou que na vila onde mora(zona norte de Poa),os vizinhos ficaram admirados com o capacete;"lá tem muita gente que usa a bicicleta,mas ninguém tem capacete."afirma orgulhoso.
Entregamos o Guia doCiclista Moviman,seu José guardou cuidadosamente dizendo que ia 'estudar' em casa.
A doação do capacete,um ato simples, que vem ao encontro dessa nova fase da bicicletada,primeiro nós os ciclistas,depois o motorista.


*a campanha doe seu capacete usado continua
contatos ninki_1@yahoo.com.br


**conversar com esse ciclista,me deu a certeza que estamos no caminho certo,pode até ser o mais arduo,mas sem sombra duvidas é o mais importante.



foto Grace Gandolfi

1 comentários:

Renê Müller mod

É assim que se começa, um capacete aqui, uma palavra ali, informação e palestra acolá... Um dia teremos um trânsito consciente; confiemos!

Reply